Blog de apoio ao grupo Critical-MAC da unidade curricular de Multimédia e Arquitecturas Cognitivas do Programa Doutoral em Multimédia em Educação (UA)

22
Fev 10

 


a leitura deste artigo “Critical thinking? You need knowledge” http://hnn.us/roundup/entries/116984.html de 2009, fez-me recordar, de modo análogo, as sucessivas reformas, acompanhamentos e ajustamentos que foram acontecendo ao longo dos anos, de modo particular no ensino da matemática. Quando comecei a leccionar, na década de 90 a “moda” era a resolução de problemas, depois veio a calculadora gráfica e o importante eram as actividades práticas de modelação. Entretanto com a vulgarização dos computadores a novidade era os programas dinâmicos e simuladores. Há cerca de 5 anos atrás, a minha escola tinha o primeiro quadro interactivo, hoje tem mais de 10 e todas as salas estão a ser preparadas para terem um, para além da instalação da fibra óptica.

Hoje, são os projectos de grupo.

Amanhã serão as redes a seguir realidade virtual e depois…depois…

[é melhor não fazer futurologia, corremos o risco de sermos mal compreendidos]

 

Contrariamente ao que é defendido no artigo pela autora Diane Ravitch, eu penso que é cada vez mais importante fomentar o pensamento crítico na comunidade educativa para que saibamos fazer uma gestão inteligente de tudo isto!


De
Nome

Email

Url

Guardar Dados?



Email

Password



Comentário

Máximo de 4300 caracteres




Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12


21
24
25
27

28


subscrever feeds
arquivos
pesquisar
 
blogs SAPO